segunda-feira, 21 de maio de 2018

"Fim? Isto não acaba assim"

“Quando eu era pequenino queria ser um reparador de finais, isto é, alguém que conserta os finais das histórias. Porque, se repararem, é muito frequente as histórias acabarem na MELHOR parte... e da PIOR maneira.
Muitas vezes também acontece os finais serem complicados demais... tristes demais, desapontantes demais, demasiado injustos, difíceis de engolir, totalmente incompreensíveis...”

Autor: Noemi Vola
Edição: Planeta Tangerina 

O livro vencedor da 2.ª edição do Prémio SERPA/ Planeta Tangerina faz finalmente justiça a todos o livros que tiveram maus finais.
Este, garantimo-vos, vai acabar da melhor maneira!

Já nas livrarias!

quinta-feira, 17 de maio de 2018

Eu sou, eu sei

Quando crescemos, todos os dias aprendemos qualquer coisa nova. Uma emoção, uma brincadeira, um som, um sabor. Num dia damos um mergulho, noutro conhecemos um lugar novo. Umas vezes ganhamos, outras vezes perdemos. Nesta aventura de ser e crescer, todas as experiências contam.
Neste livro, as ilustrações de Madalena Matoso dialogam com o texto de Ana Pessoa (cujo trabalho já conhecíamos da escrita juvenil), para nos trazer esses momentos em que nos concentramos a crescer e a dar novos passos. Podem ser marcos históricos (daqueles que vêm descritos nos livros) ou feitos mais subtis, mas igualmente importantes. Todos têm em comum a garra, o ritmo, a energia e a resiliência que é preciso para crescer. “Eu sou. Eu sei. Eu dou. Eu rei. Eu com. Eu sem.”

Texto: Ana Pessoa
Ilustração: Madalena Matoso
Edição: Planeta Tangerina

Venham daí descobrir este poema que não para de crescer!

terça-feira, 8 de maio de 2018

O Pior Aniversário da Minha Vida

Depois da aventura de Adeus, Peúgas, o nosso protagonista e o seu coelho-anão estão de volta, desta vez com um convite para a festa de aniversário da Júlia.
Mascaram-se a rigor e rumam a casa da amiga, preparados para se divertirem. Mas ao chegarem à festa, dão-se conta de algo deveras embaraçoso…

Benjamin Chaud (autor/ilustrador de Adeus, Peúgas, As Férias do Pequeno Urso e A Cantiga do Urso) traz-nos mais uma história cheia de fantasia, que revela com humor e delicadeza os sentimentos dos pequenos leitores.

Tradução: Maria Afonso 
Edição: Orfeu Negro

Os aniversários são o que mais adoro na vida. Primeiro o meu; depois os dos outros.

segunda-feira, 7 de maio de 2018

BENJAMIN CHAUD EM LISBOA

O autor/ilustrador francês Benjamin Chaud estará em Lisboa, a convite das edições Orfeu Negro e do Institut Français du Portugal, para lançar o seu novo álbum ilustrado O PIOR ANIVERSÁRIO DA MINHA VIDA, mais uma deliciosa aventura do coelho Peúgas.

Ilustrador de êxitos como A Cantiga do Urso, Adeus, Peúgas e Não Fiz os Trabalhos de Casa Porque..., Chaud fará uma breve tour lisboeta para conhecer os seus leitores portugueses, miúdos e graúdos.

Depois de uma conversa informal com o público (ilustradores e curiosos), sobre o seu processo criativo, na Mediateca do Instituto Francês, no dia 10 de Maio, Benjamin Chaud irá animar os mais pequenos num duplo lançamento do seu novo livro O Pior Aniversário da Minha Vida.
Podem escolher entre um petit dejeuner com história na Baobá livraria na manhã de 12 de Maio ou uma tarde bem passada e cheia de surpresas na Livraria Ler Devagar no domingo, dia 13. Se não vos apetecer escolher, venham duplamente. A entrada é livre e há autógrafos desenhados para todos.

sexta-feira, 4 de maio de 2018

Chegou a hora da história!

O Capuchinho Vermelho, João e o Pé de Feijão e A Caracóis Dourados e os Três Ursos são os primeiros três livros da coleção Hora da História. Com ilustrações coloridas e com textos curtos, para iniciação à leitura autónoma, estes textos promovem o enriquecimento do vocabulário. Incluiu ainda, no final de cada livro, atividades para brincar com a história. Histórias tradicionais que tanto as crianças, como os pais ou os avós adoram! 

A COLEÇÃO IDEAL PARA INICIAÇÃO À LEITURA AUTÓNOMA E INCLUI ATIVIDADES PARA BRINCAR COM A HISTÓRIA!...

quarta-feira, 2 de maio de 2018

BOA NOITE A TODOS

O sol já se põe e todos têm sono. Os ratinhos têm sono, as lebres têm sono.
Até a Mãe Ursa tem sono. UAAAA, que preguiça!
Mas o Ursinho não está nem um bocadinho cansado...

Uma deliciosa história de embalar, que adormece até os ursinhos mais irrequietos, criada pelo premiado ilustrador Chris Haughton.


Autor: Chris Haughton
Edição: Orfeu Mini 

EDIÇÃO CARTONADA, COM PÁGINAS DE DIFERENTES FORMATOS.

Um livro ternurento sobre a hora de ir dormir, para os leitores mais pequenos.

domingo, 22 de abril de 2018

A SOPA QUEIMA

"Algo acontecia em casa da Maria.
 Pela janela saía fumo, apesar de não haver nenhum incêndio.
 Alguém gritava, mas não chamava os bombeiros.
 As vozes diziam:
 - Maria, come a sopa!
A Maria via as massinhas a boiar
naquele lago de águas amarelas,
fumegantes e borbulhantes,
e não se atrevia a ferrar-lhes o dente.
A sopa queima, mamã!
Então a mãe disse-lhe
o que as mães dizem sempre:
-Então sopra, filha, sopra. (...)"

Texto: Pablo Albo
Ilustração: André Letria
Edição: OQO 

No dia a dia, os mais pequenos têm que fazer frente a desafios que lhes parecem insuperáveis, apesar de os adultos os verem como algo insignificante. Livro recomendado pelo Plano Nacional de Leitura 1º Ano de escolaridade, Leitura autónoma e Leitura com apoio do professor ou dos pais.

sábado, 21 de abril de 2018

Matilde Rosa Araújo, um olhar de menina.

Livraria Papa-Livros
Rua Miguel Bombarda nº 523
PORTO

Mais aqui

Esta tarde a não perder!

segunda-feira, 16 de abril de 2018

VAMOS PASSAR UM DIA NO QUARTEL DE BOMBEIROS, OS SUPER-HÉROIS DA VIDA REAL!

Vamos passar um dia no Quartel dos Bombeiros, os Super-heróis da vida real!    

Gostavas de saber como funciona um quartel dos Bombeiros? Que tipos de veículos existem? Qual o equipamento essencial, como combater o fogo ou resgatar alguém?
Os alarmes soam e os bombeiros entram em ação. Muito se passa nos bastidores de um quartel dos bombeiros! Repleto de factos reais e de curiosidades fantásticas, este livro é perfeito para os aventureiros mais jovens aprenderem tudo sobre os heróis que todos os dias enfrentam o perigo para salvar pessoas, animais e casas!  
Não podes perder por nada este livro (em forma de caixa) que te explica tudo sobre o dia a dia dos bombeiros

Lê o livro, monta o quartel, encaixa as peças dos veículos de emergência, bombeiros e acessórios, e toca a ajudar quem precisa do teu auxílio!



OFERTA: Quartel em 3D e modelos interativos para montar!

domingo, 15 de abril de 2018

Água Doce, fluir com o rio

O livro Água Doce, fluir com o rio explora o maravilhoso mundo da água doce, um recurso limitado e precioso. Através de uma linguagem lúdica, jogos e atividades, assinala-se a importância e a urgência de proteger os cursos de água e os seus ecossistemas. Ao mesmo tempo destaca-se a riqueza deste património, do ponto de vista material e imaterial.
Recorrendo a curtas narrativas, factos científicos, dicas e curiosidades, estimula-se a imaginação da criança e o seu sentido crítico perante o modo como usamos a água doce.
Com esta ferramenta educativa, as autoras convidam à participação. Os desafios propostos procuram o envolvimento, por via do desenho, da escrita e da experimentação. De um modo abrangente, promove-se a criatividade da criança e a cidadania ativa, no contexto do desenvolvimento sustentável.

Textos: Danuta Wojciechowska e Joaninha Duarte
Ilustração: Danuta Wojciechowska
Consultadoria científica: Ana Canas (Fluviário de Mora)
Revisão científica: Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, I.P.
Edição: LUPA

Já nas livrarias!...

Mamã, tu és o Máximo!

A Matilde e o Rodrigo não têm escola hoje e tinham pensado em ir brincar com os amigos. Mas parece que a Mamã tem outros planos, e diz-lhes que vão antes embarcar numa grande aventura — um dia no lago, só os três! Vão poder remar e tudo! A Mamã está muito empolgada com a ideia, mas será que ela sabe mesmo remar?! Bom, uma coisa é certa: apesar de todos os imprevistos, vai ser uma aventura fantástica! 

Mamã, tu és o Máximo!, é uma divertida e ternurenta história. Uma homenagem a todas as mães que, mesmo não sendo perfeitas, são incríveis e inspiradoras. No final do livro, os mais pequenos encontram uma atividade de trabalhos manuais para fazerem um presente especial para a mãe.

Texto: Myriam Sayalero  
Ilustração: Marisa Morea 
Edição: Booksmile

Um livro inspirador, mágico e inesquecível!

sexta-feira, 13 de abril de 2018

LANÇAMENTO de "HORIZONTE" na BAOBÁ

Chegou convite da  BAOBÁ livraria e das edições Orfeu Negro  para a apresentação do álbum HORIZONTE, com a presença da autora Carolina Celas, no dia 28 ABRIL, às 16 horas, na BAOBÁ Livraria.

Vamos conhecer o processo criativo da Carolina Celas, desde a ideia ao livro, e espreitar os esboços e desenhos originais do Horizonte. Depois, convidamos todos a escutar esta bonita e poética história e a participar na divertida busca de uma minúscula personagem pelas páginas do livro. Estão prontos?

No final, temos autógrafos desenhados e um delicioso lanchinho para todos!

ENTRADA LIVRE | tragam um amigo, o vizinho, a avó e o gato.

BAOBÁ Livraria
R. Tomás da Anunciação 26, Lisboa

domingo, 8 de abril de 2018

Atlas das viagens e dos exploradores - novidade!


Atlas das viagens e dos exploradores from Planeta Tangerina on Vimeo.

Não é fácil imaginar um mundo sem mapas (mesmo tendo muita imaginação...). Mas esse mundo já existiu e, se nos pusermos a pensar, há uma pergunta que nos apetece logo fazer: será que as pessoas que o habitavam conseguiam imaginar que existia mais terra para além daquela que pisavam? Mais mundo para além daquele que conheciam?
Para sabermos o que era o mundo tivemos de o percorrer de um lado para o outro. Desvendar o que era desconhecido. Encontrar o que estava escondido. Abrir os caminhos fechados. Ir ao encontro de outras pessoas, animais e plantas. Tivemos também de deixar que a curiosidade fosse mais forte do que o medo. O medo do desconhecido. O medo de não conseguir voltar. O medo do que nos poderia acontecer...
A certa altura, respirámos fundo... e fomos!

Amanhã nas livrarias!...

sexta-feira, 30 de março de 2018

Pedrito Coelho: Boa Páscoa!

"O ovo da Pata Patrícia desapareceu e o Pedrito, a Lili e o Casimiro querem encontrá-lo antes que o pior aconteça. Quando finalmente descobrem os patifes responsáveis, o ovo escapa-lhes… e é quase a tragédia. Mas o ovo é salvo, a verdade reposta e, no fim do dia, a Pata Patrícia tem uma surpresa!"

Autor: Beatrix Potter
Edição: Bertrand Editora  
Penguin Books (UK) Ltd.

BOA PÁSCOA!...

quinta-feira, 29 de março de 2018

"A ORQUESTRA - Uma volta ao mundo à procura dos músicos"

O grande concerto está marcado para daqui a uma semana, mas os membros da orquestra desapareceram sem deixar rasto!
Felizmente, não é grave... Ao que parece estão todos de férias e o maestro até tem recebido alguns postais simpáticos que lhe dão pistas sobre o paradeiro dos seus queridos músicos: os violinistas foram para Tóquio, a tocadora de harpa está no Porto, os trompetistas no Rio de Janeiro, os flautistas em Abidjan…
O maestro e o seu fiel assistente decidem então pôr-se a caminho, à procura dos músicos pelos quatro cantos do mundo.
Mas entre as ruas apinhadas e confusas, não é fácil dar de caras com os músicos em descanso. 

Autor: Chloé Peranau
Edição: Planeta Tangerina

Um livro de grande formato tipo “descobre onde está” , para aprender mais sobre as grandes cidades do mundo e os instrumentos musicais.

domingo, 25 de março de 2018

Tomás o traquinas

«Tomás era um menino muito traquinas
que adorava esconder-se e disfarçar-se 
sempre que recebia visitas. 
Um dia foi lá a casa almoçar
uma amiga da mãe
que vivia em França. 
Tomás foi a correr ao sótão
e, com um cobertor
e um pouco de adesivo, 
fez um disfarce de crocodilo. 
E quando abriu a porta…» 

Tomás é um menino muito travesso que adora disfarçar-se para pregar partidas às visitas da sua casa. Reutilizando materiais, é capaz de se mascarar de crocodilo, de leão, de abelha, ou de elefante… Porém, quem ri por último, ri melhor... pelo menos assim pensam as vítimas de tantos sustos! 
Com um divertido texto de Jorge Ródenas e ilustrações de Anna Laura Cantone, esta obra reúne todos os ingredientes imprescindíveis para o gáudio e a diversão do público infantil, desafiando-o a interagir e até mesmo a participar na sua história. 
 
Texto: Jorge Rico Ródenas
Ilustração: Anna Laura Cantone
Edição: Kalandraka

Já nas livrarias!...

segunda-feira, 19 de março de 2018

domingo, 18 de março de 2018

"DIA INTERNACIONAL DO LIVRO INFANTIL" 2018

O "Dia Internacional do Livro Infantil" comemora-se em todo o mundo, no dia 2 de abril, data do nascimento de Hans Christian Andersen, chamando-se a atenção para a importância da leitura e para o papel fundamental dos livros para a infância. 


A mensagem do IBBY internacional, este ano da responsabilidade da Letónia, consta de um texto da escritora INESE ZANDERE, e de um cartaz do ilustrador Reinis Petersons. Pode ser encontrada em http://www.ibby.org/awards-activities/activities/international-childrens-book-day/icbd-2018/?L=0

O PEQUENO TORNA-SE GRANDE NUM LIVRO

As pessoas inclinam-se para o ritmo e o equilíbrio, tal como a energia magnética organiza as aparas de metal numa experiência física, tal como floco de neve forma cristais a partir de água.

Num conto de fadas ou num poema, as crianças gostam de repetição e de refrões e de temas universais, porque eles podem ser reconhecidos uma e outra vez - trazem ao texto regularidade. O mundo ganha uma ordem bonita. Ainda me lembro, como em criança, lutava comigo mesma para defender a justiça ea simetria, pela igualdade dos direitos da esquerda e da direita: se tamborilava com os dedos em cima da mesa, contava quantas vezes tinha de bater com cada dedo, para que os outros não se sentissem ofendidos. E quando aplaudia, batia com a mão esquerda na direita, mas depois pensava que não era justo e aprendi a fazê-lo de maneira contrária batendo com a esquerda na direita. Este desejo instintivo de equilíbrio de evitar que o mundo se tome assimétrico. E eu tinha a sensação de ser a única responsável por todo o seu equilíbrio.

A inclinação das crianças por poemas e por histórias surge igualmente da sua necessidade de levar harmonia ao caos do mundo. Da indeterminação tudo tende para a ordem. As canções infantis, as canções populares, os jogos, os contos de fadas, a poesia- são formas de existência ritmicamente organizadas que ajudam os mais pequenos a estruturar a sua presença no grande caos. Criam a consciência instintiva de que a ordem do mundo é possível, e as pessoas têm nele um lugar único. Tudo conduz para este objectivo: a organização rítmica do texto, as linhas e o design da página, a impressão do livro como um todo bem estruturado. O grande revela-se pequeno, e damos-lhes forma nos livros infantis, mesmo quando não estamos a pensar em Deus ou na dimensão fractal. Um livro infantil é uma força milagrosa que favorece o enorme desejo das crianças e a sua capacidade de ser. Promove a sua coragem de viver.

Num livro, o pequeno é sempre grande, de forma instantânea e não apenas quando se chega à idade adulta. Um livro é um mistério onde se pode encontrar  algo que não se procurava ou que não estava ao nosso alcance. Aquilo que os leitores de uma certa idade não conseguem compreender, permanece na sua consciência como uma impressão, e continua  a actuar mesmo quando o não compreendem totalmente. Um livro ilustrado pode funcionar como uma arca do tesouro da sabedoria e cultura mesmo para os adultos, da mesma forma que as crianças podem ler um livro para adultos e encontrar nele a sua própria história, um indício para as jovens vidas. O contexto cultural molda as pessoas, estabelecendo as base para as impressões que se farão sentir no futuro, assim como para experiências mais difíceis, às quais terão de sobreviver sem por isso terem de deixar de ser íntegras.
 Um livro infantil representa o respeito pela grandeza do pequeno. Representa um mundo que se cria de novo uma e outra vez, uma serenidade lúdica e preciosa, sem a qual tudo, incluindo a literatura para crianças, seria apenas um trabalho pesado e vazio.

INESE ZANDERE, nascida na Letónia em 1958, é poeta e uma das maiores escritoras de livros para a infância do seu país.

(Tradução: Maria Carlos Loureiro, feita a partir de versão francesa e espanhola.)

segunda-feira, 12 de março de 2018

Papá, tu és o máximo!

Hoje é sábado e o Papá diz que quer aproveitar o dia, seja lá o que isso for! A Matilde e o Rodrigo insistem em saber quais são os planos dele, mas acabam por desistir de perguntar; é que o Papá quer fazer-lhes uma surpresa!
​ 
O Papá diz que tem tudo organizado para passarem um dia especial, mas… será que tem mesmo?! ​Bom, uma coisa é certa: apesar de todos os imprevistos, vai ser uma aventura fantástica!

Papá, tu és o Máximo!, com textos de Myriam Sayalero e ilustrações de Marisa Morea, é uma divertida e ternurenta história. Uma homenagem a todos os pais que, mesmo não sendo perfeitos, são incríveis e inspiradores. No final do livro, os mais pequenos encontram uma atividade de trabalhos manuais para fazerem um presente especial para o pai.

Texto: Myriam Sayalero
Ilustração: Marisa Morea
Edição: Booksmile

Um livro inspirador, mágico e inesquecível!